Como infoprodutos podem beneficiar seu negócio 

Tempo de leitura: 9 min

Escrito por diogo
em novembro 14, 2022

Não é exagero dizer que a internet mudou a forma como consumimos produtos, obtemos informações e descobrimos serviços. Para entender melhor o impacto e as oportunidades criadas, você precisa entender o que são infoprodutos e a sua importância no contexto atual.

Hoje, um empreendedor não precisa alugar uma sala ou comprar um galpão para começar a vender produtos diversos, demandando alto armazenamento do estoque. Afinal, muitos desses aspectos foram transferidos para o meio digital.

Mas o que isso significa realmente? Que é possível ter uma loja que opera totalmente online, sem dispor de espaço físico, inclusive produzindo produtos que são obtidos e utilizados por meio das plataformas digitais.

O próximo passo nesta evolução são os infoprodutos. Continue lendo para entender o conceito, conhecer os tipos de produtos de informação, como promovê-los e muito mais!

Infoprodutos: o que são?

Ao mencionar os infoprodutos, estamos falando, principalmente, de produtos digitais que são vendidos e usados ​​pela internet, como podcasts, e-books, cursos em vídeo e webinars.

Em geral, são desenvolvidos e comercializados para sanar as dúvidas do público-alvo a respeito da fechadura eletrônica para porta pivotante (ou qualquer outro assunto que seja pertinente).

Usando esse formato, a marca se destaca no mercado como uma empresa diferente das demais, muito por causa da qualidade que é dedicada ao produto em questão e também pela relevância e autoridade que são construídos no meio digital.

Para isso, é importante que o infoproduto contenha informações importantes e relevantes para os compradores, destacando a empresa realmente como uma autoridade.

Eles podem ser usados ​​tanto como fonte de renda adicional para a empresa de aluguel de impressora em guarulhos ou até mesmo para construir autoridade de marca na web.

Qual é a importância dos infoprodutos no marketing digital?

É impossível negligenciar ou subestimar o impacto da internet como meio de comunicação.

Ela abriga uma vastidão de marcas, lojas, ferramentas e oportunidades. Afinal, milhões de pessoas ao redor do mundo a acessam diariamente por várias razões.

A importância dos infoprodutos começa por essa noção de dispor a marca frente a um amplo público mais facilmente, mas não para por aí.

Acompanhe nos tópicos as razões pelas quais a empresa de extintores SP e outros empreendimentos devem se informar sobre os infoprodutos!

  1. Cobertura ilimitada

Por ser um produto totalmente online, o alcance é um fator muito benéfico para quem adota esse modelo de negócio.

Primeiramente, o frete não gera custos altos. Inclusive, essa é uma vantagem tanto para o vendedor quanto para o consumidor, o que permite atingir o público-alvo em diferentes lugares e em diferentes perfis.

Além disso, este ponto inclui os baixos custos de produção do infoproduto. Então, os dois lados da cadeia produtiva saem ganhando!

  1. Influência

Além de vender informação, a alta recepção faz do item um produto de sucesso. Assim, um infoproduto bem feito pode produzir um impacto muito benéfico nos indivíduos – potenciais clientes.

Pode ser uma conscientização maior sobre as funcionalidades da tinta epóxi para piso de cimento ou a descoberta de novas maneiras de fazer atividades antigas.

Em todo caso, o material precisa promover uma transformação no dia de quem o consome.

  1. Repetição e continuidade

Sempre há alguém na internet procurando respostas, tutoriais e qualquer material que ensine novos conhecimentos.

Essa repetição é um dos maiores atrativos desse tipo de produto, seja em e-books, webinars ou apresentações.

O segredo é a capacidade de identificar nichos que carecem de conhecimento profundo e explorá-los de forma interessante e eficaz, de forma contínua, aprofundando cada vez mais a abordagem do tema.

  1. Demanda crescente

A aquisição de infoprodutos e serviços digitais está cada vez mais presente no mercado e também está fortemente presente na vida do consumidor atual.

Ele se encaixa em um perfil de cliente que busca soluções práticas e econômicas para o seu dia a dia. 

Um exemplo disso é a compra de videoaulas, graduações ou treinamentos profissionais que não dispõem de muito tempo (e dinheiro), mas precisam se especializar em sua carreira.

O que pode ser um infoproduto?

Já mencionamos alguns formatos típicos acima. Agora vamos entrar em detalhes sobre as opções que podem ser exploradas, conforme objetivo e público visado. Acompanhe para entender os recursos e benefícios de cada um.

Podcasts

Podcasts são o equivalente digital de programas de rádio: programas de áudio com um apresentador cobrindo uma variedade de tópicos.

O surgimento das plataformas de áudio trouxe novas possibilidades ao formato. É por isso que os podcasts nunca foram tão populares no Brasil como são agora.

Com relação às oportunidades, eles são ideais para trazer novos conceitos sobre projeto de sprinkler ao público e tirar dúvidas, sendo mais dinâmicos e possibilitando materiais mais densos.

Videoaulas e cursos online

Podem ser tanto cursos livres, quanto aulas de educação à distância certificadas pelo Ministério da Educação.

Quase todas as informações podem ser comunicadas de forma audiovisual. Contudo, há também:

  • Ferramentas avaliativas;
  • Apostilas;
  • Momentos para tirar dúvidas;
  • Dinâmicas de aula.

O investimento para criar esse formato de infoproduto tende a ser mais alto do que outros modelos, visto a qualidade dos equipamentos envolvidos.

Contudo, por outro lado, podem ser mais rentáveis, sendo vendidos em grandes quantidades por meses ou até anos, dependendo do assunto. Além disso, como produto de atração/conversão, indicam um melhor aproveitamento da audiência alcançada.

Os canais de investimento também são versáteis, como plataformas de produtos de informação, sites próprios, membros de redes sociais, etc.

Tutoriais em vídeo

Este infoproduto tem algumas semelhanças com uma videoaula, sendo confundindo em alguns casos.

No entanto, de modo prático, os tutoriais se diferem por serem produzidos por meio de gravações de vídeo de uma tela de laptop ou celular, sendo mais curtos.

Como tal, geralmente eles são tutoriais usados ​​para ensinar um usuário como usar um determinado software ou plataforma, ou mesmo dicas rápidas sobre alguma técnica de imagem pessoal.

Por conta disso, muitas empresas de artefatos de cimento investem em tutoriais para atrair potenciais clientes, mas reduzir o investimento no atendimento e em aulas super produzidas. 

Essa é uma técnica muito vantajosa, pois esse tipo de material ajuda a solucionar muitas dúvidas e agilizar o fluxo de atendimento e venda.

Com isso, um empreendedor pode usar a estratégia de fornecer tutoriais básicos gratuitamente para vender aulas avançadas mais tarde.

Consultorias

Outra opção é oferecer serviços de consultoria em sua área. 

Neste caso, sua consulta pode focar em dificuldades específicas enfrentadas por empresas do setor e fornecer todo o conhecimento que você adquiriu ao longo dos anos neste ramo.

Os serviços de consultoria são muito comuns para empreendedores e gestores com longa experiência em determinado nicho de mercado.

As consultas geralmente são oferecidas remotamente e muitas vezes consistem em uma hora de discussão sobre os desafios do negócio do empreendedor em piso de concreto polido.

Como vender um infoproduto?

Você pode compreender como aplicar e os principais impactos do infoproduto. Contudo, mesmo com a teoria bem explicada, colocar a ação em prática ainda pode trazer algumas dúvidas. Afinal, como inserir um infoproduto no mercado e fazer sucesso com ele?

A resposta está nos princípios do marketing digital e, sobretudo, no conhecimento aprofundado das preferências e necessidades do seu público-alvo.

Conheça os principais pontos sobre esse assunto agora.

Tenha uma ótima ideia

O primeiro passo para obter sucesso no ramo de infoprodutos é estudar o mercado em que deseja investir de modo a identificar oportunidades de negócios.

Só assim um empreendedor é capaz de se destacar e visualizar o que ainda não foi abordado, ou como pode fazê-lo de forma única.

Aliado ao profundo conhecimento das preferências e interesses do público e o domínio das técnicas e formatos, é claro, é possível identificar novas oportunidades que sejam relevantes à audiência.

Mas tudo começa com a ideia, ou seja, um insight de como você poderá melhorar a vida das pessoas.

Invista na produção

Tão importante quanto aquilo que o infoproduto comunica é o modo como ele é apresentado para as pessoas.

Isso envolve o layout, a plataforma em que será hospedado, o logotipo e até mesmo a trilha sonora utilizada, considerando o melhor formato para apresentar o produto e o conhecimento.

Cada formato tem particularidades e características distintas, que devem ser levadas em consideração para obter um melhor aproveitamento dos materiais. O ponto é não negligenciar o lado estético e funcional.

Uma produção caprichada, feita com dedicação e esmero salta aos olhos do consumidor e aumenta o interesse – e consequente satisfação.

Elabore uma página de vendas efetiva

Uma página de vendas é crucial para o sucesso junto aos infoprodutos. 

Afinal, esta é a página que você mostra o seu produto, destacando todos os benefícios, como ele vai mudar a vida ou resolver dores, as experiências de quem já usou, e – o mais importante – destacará o call to action: a chamada para ação que leva o usuário ao checkout. 

A página de vendas é a porta de entrada para que o usuário seja influenciado pelo seu anúncio ou pesquisa do Google sobre chaveiro em sorocaba.

Por este motivo, dominar os conceitos de copywriting, gatilhos mentais e escrita persuasiva é essencial para criar uma boa página de vendas.

Todos trabalham juntos para mostrar ao seu cliente potencial como seu produto é exatamente o que eles estão procurando para resolver o problema identificado.

Ofereça iscas digitais

Muitas vezes o consumidor não quer comprar um infoproduto até que tenha recebido uma amostra de sua funcionalidade.

Isso é natural, especialmente se esta for a primeira exposição à solução que você está oferecendo.

Uma das maneiras mais fáceis de resolver esse problema é com iscas digitais. 

Como o nome sugere, a isca é aquele conteúdo que chama a atenção do seu prospect e fornece uma versão mais simples e resumida do seu infoproduto, demonstrando o potencial que o usuário pode alcançar.

Ao oferecer essas iscas, a ideia é deixar claro para o consumidor que existe uma versão mais abrangente dessa solução – se a isca for atrativa, com certeza o lead vai ter vontade de conferir a versão completa!

Considerações finais

Perceba como a comunicação é, realmente, a alma do negócio: as mudanças no comportamento do público guiam as estratégias.

O surgimento dos infoprodutos nada mais é do que uma resposta à predominância da web em vários setores da sociedade.

Se a internet é tão útil para várias situações, por que não desenvolver produtos pensados exclusivamente para ela?

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade