7 dicas para o engajamento dos colaboradores no home office

Tempo de leitura: 9 min

Escrito por diogo
em novembro 14, 2022

Promover o engajamento dos seus colaboradores no home office, sem dúvidas, é um grande desafio, afinal, tê-los em um mesmo ambiente facilita a interação e o fortalecimento da cultura – o que precisa ser adaptado no modelo de teletrabalho.

Para o devido engajamento, uma das primeiras atividades envolve manter a equipe alinhada com os objetivos e propósitos da empresa, assim como produtivas e motivadas. 

Como cada vez mais o serviço se transforma para um modelo híbrido e home-office, ou seja, realizado remotamente, algumas adequações são necessárias.

Esse movimento se dá por conta do avanço das tecnologias nas relações de trabalho, que foram intensificadas no período da pandemia causada pela Covid-19. 

Com o isolamento social e sem poder sair de casa, muitas empresas precisaram se adaptar ao cenário online, transformando diversos modelos de negócio.

Cabe considerar que o movimento também favorece empresas e profissionais, e por esse motivo também tem recebido investimentos, mesmo após a flexibilização social devido a melhora da pandemia.

Para se ter uma ideia, com o modelo híbrido e  home-office há mais flexibilidade de horários, possibilidade de passar um tempo maior com a família, assim como mais conforto.

Dessa forma,essa modalidade de trabalho é ampliada, visto que acredita-se que também contribui para o aumento da produtividade dos profissionais. 

Contudo, apesar das diversas benesses, existe o desafio de manter a equipe engajada e motivada, já que as atividades serão feitas à distância. 

Por isso, os gestores precisam conhecer estratégias que aproximem as pessoas, ofereçam dinamismo, agreguem boas condições de trabalho e possibilitem formas de monitoramento mesmo à distância.

Diante deste cenário, neste artigo, traremos dicas sobre como os gestores podem engajar os colaboradores que estão em home-office, seja em um escritório de contabilidade, órgão público ou empresa de manutenção de ar condicionado. Acompanhe as orientações a seguir!

Conheça os principais desafios da liderança remota

Quando falamos sobre liderança remota é importante entender que existem vários desafios que circundam o tema.

Isso pode abranger desde o acompanhamento dos colaboradores e índices de resultado, até o devido gerenciamento e a motivação para a realização de atividades. 

Além disso, a comunicação exercida também tem forte impacto nas atividades realizadas remotamente. 

O cenário de home-office impõe diversas adaptações, sobretudo, quando falamos de comunicação e da utilização de ferramentas que contribuem com a integração de tarefas.

Além disso, é fundamental que haja adaptação da forma que a cultura organizacional da sua empresa é abordada e favorecida, seja você um comerciante de Curso nr 10 ou um gestor de uma agência de publicidade.

Tendo isso em vista, há diversas habilidades necessárias para um líder, principalmente ao considerar a liderança remota. 

Como manter o engajamento no modelo remoto?

Para auxiliar nesse processo, existem algumas dicas e ferramentas que podem ser utilizadas permitindo um acompanhamento e o devido auxílio aos colaboradores. 

Por isso, é essencial que os gestores pensem em formas para “estar perto” dos seus colaboradores, mesmo que em um cenário de distanciamento. Mais ainda, com a capacidade de se adaptar a diferentes contextos. 

Isso também é possível quando falamos de aspectos ligados à comunicação com os colaboradores no home office, já que não se pode perder o contato e é necessário ter um controle das atividades realizadas em cada etapa de um projeto, mantendo a proximidade e o alinhamento. 

Para ter eficiência dentro da empresa e até mesmo um aumento da produtividade, é fundamental contar com uma comunicação integrada no teletrabalho. 

Para isso, existem algumas ferramentas de comunicação de vídeo, chat e, até mesmo, envio instantâneo de mensagens, que permite o acompanhamento em tempo real. 

Toda empresa, seja ela de avaliações ambientais ou um órgão público, precisa de um tempo para se adaptar e implementar as mudanças necessárias para o avanço do negócio. 

Afinal, há a necessidade de uma nova postura e adequação a diferentes ferramentas diante da nova rotina de trabalho no cenário remoto, que precisa lidar com o ambiente em que a pessoa está inserida, as dinâmicas da família, os equipamentos e outros detalhes. 

Inclusive, na pandemia, devido ao isolamento, muitas pessoas sofreram e até hoje sofrem com problemas de depressão e ansiedade. 

Isso afeta o desempenho e requer dos líderes mais paciência para lidar com as ações da empresa e formas para reinserir o colaborador.

Por isso, esse líder ou gestor precisa ser bem qualificado para ter a sensibilidade dessas mudanças e engajar seu time. Ficou curioso sobre como fazer isso? Continue a leitura!

7 dicas para manter o engajamento no home office

Já que o trabalho remoto é uma rotina em diversas empresas, seja de modo parcial ou total, é importante que os gestores conheçam dicas voltadas para a manter o engajamento com os colaboradores no home office. 

Dessa forma, desenvolvemos 7 orientações para te auxiliar nesse processo de implementar ações de engajamento no home office que são fundamentais para qualquer segmento, desde lojas para artigos pets que adotaram o modelo de e-commerce até uma empresa de equipamentos contra incêndio com equipe administrativa integralmente remota, confira!

  1. Desenvolva uma boa comunicação

Sobre a comunicação, podemos afirmar que esse é um ponto fundamental dentro da empresa. Afinal, sem desenvolver uma boa comunicação, sua equipe ficará desorientada e desalinhada.

Por isso, é essencial que os gestores desenvolvam processos para uma boa comunicação, sobretudo interna, para facilitar o entendimento dos colaboradores acerca das ações, processos e atividades que serão feitas na empresa. 

Uma boa comunicação fortalece a cultura, define um processo de feedbacks entre gestor e colaborador e cria oportunidades do colaborador se expressar e se desenvolver.

Para facilitar a comunicação, as equipes podem definir reuniões remotas, a partir da periodicidade, assim como outras formas de manter contato com seu colaborador.

  1. Planeje as atividades com a equipe

O planejamento das atividades com sua equipe é essencial! Esse planejamento precisa ser diário, semanal e mensal, definindo quais são as metas e objetivos que precisam ser alcançados. 

A gerência precisa passar um planejamento claro ao seu colaborador, por meio do estabelecimento de regras e deadline, bem como as formas de comunicação para isso. 

Por exemplo, é preciso que esteja claro as horas que o colaborador precisa participar de uma reunião, quando ele precisará entregar determinada atividade, entre outros.

Além disso, se o colaborador tiver dúvidas sobre onde encontrar fornecedores de materiais cirúrgicos, ou outra questão, ele também precisa saber quem ele deve procurar.

Esses são pontos fundamentais para desenvolver uma comunicação sem ruídos e analisar com clareza o desempenho do negócio. 

  1. Estabeleça regras para o colaborador

Na fase de definir bons aspectos de comunicação com os colaboradores, a empresa precisa estabelecer regras claras de trabalho. 

Deste modo, o colaborador precisa saber pontos como:

  • Horas que ele deve trabalhar por dia;
  • Telefones que ele deve contatar;
  • A quem ele responde, do ponto de vista hierárquico;
  • Os prazos para realizar cada atividade;
  • Horários e dias que vão ocorrer as reuniões. 

O trabalho remoto não pode ser sinal de desorganização ou de falhas de comunicação. Pelo contrário, é essencial que essas regras sejam definidas de forma prévia, com o objetivo de alinhar as equipes e fazer com que o colaborador cumpra as metas e organize suas atividades.

  1. Explique e reforce cultura organizacional 

O seu colaborador precisa conhecer a cultura da organização, como a missão, visão, valores e estratégias. 

É muito importante, portanto, que o colaborador saiba quais são os pilares que regem uma indústria de câmara frigorífica para congelados, por exemplo, para que se identifique e “vista a camisa” do negócio. 

Além disso, é preciso que haja alinhamento sobre as ações de comunicação e campanhas de marketing, dentre outros planejamentos da empresa, para que saiba quais ações tomar, quais atividades priorizar e até mesmo como contribuir com os objetivos compartilhados.

  1. Defina os canais de comunicação

Seja sua empresa de aparelho de endoscopia ou de qualquer outro segmento, você precisa definir os canais de comunicação para o público externo e interno. 

Para facilitar o processo, existem ferramentas de reuniões online, como Zoom, Google Meet ou Teams, que podem ser utilizadas para facilitar o processo de reuniões formais. 

O uso de e-mail para comunicados pontuais, uma intranet para engajamento e até o whatsapp para agilizar interações diárias são outras opções de canais que podem ser implementados no negócio.

  1. Invista em boas condições de trabalho remoto

É muito importante ter uma atenção especial quando falamos sobre as boas condições de trabalho remoto. 

Em casa, a pessoa precisa ter uma boa conexão com a internet para poder trabalhar, assim como um computador ou notebook de qualidade para realizar suas atividades.

Mais ainda, precisa contar com uma mesa de trabalho e uma boa cadeira para realizar suas ações com conforto, ergonomia e segurança. 

Dessa forma, algumas empresas têm investido na concessão do auxílio home office para os colaboradores poderem realizar suas atividades com mais qualidade e tranquilidade em relação ao apoio e desenvolvimento junto a empresa.

Em alguns casos, também há auxílio para contribuir com a conta de luz, já que o colaborador usa a energia de sua casa para trabalhar. Inclusive, ainda que haja o fornecimento de maquinário, as empresas conseguem economizar com infraestrutura.

  1. Utilize ferramentas para promover o engajamento

Existem várias ferramentas que promovem o engajamento nas empresas, seja em um cenário de home-office parcial ou total. 

Essas ferramentas contribuem para a organização das tarefas, assim como para o gerenciamento e controle dos processos. 

Além disso, em muitos casos, é possível realizar o armazenamento do conteúdo em nuvem, permitindo o acesso mais ágil às informações e em tempo real. Com isso, todos conseguem acompanhar o desenvolvimento de um determinado projeto. 

Pensando na importância desse tema, há diversas ferramentas e métodos de organização e acompanhamento que podem contribuir com o desenvolvimento qualificado e ordenado de projetos, como é o caso do Kanban, Trello, Notion, entre outros.

Na prática, essas são ferramentas de trabalho que contam com ozonioterapia capilar preço que permitem definir funcionalidades, prazos e os colaboradores no home office responsáveis por cada atividade, acompanhando o status de cada tarefa. 

Dessa forma, você pode acompanhar como está a atividade e a etapa que falta para a conclusão de cada estágio. 

Assim, é necessário que, a partir das dicas que apontamos neste artigo, as empresas realizem adaptações para proporcionar um cenário home-office cada vez mais fluido, produtivo, engajado e integrado. 

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade