5 livros para ler em dias chuvosos

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por admin
em maio 27, 2022

Entre clássicos e favoritos da cultura pop contemporânea, existem opções para todos os gostos quando se trata de livros para ler em um dia de chuva

Com o inverno chegando no Brasil, muitas pessoas deixam as saídas de casa para aproveitar o conforto do lar. As baixas temperaturas e chuvas frequentes fazem com que os restaurantes sejam trocados pela comida caseira, as baladas por noites de vinho e queijos, e a ida às cafeterias pela cidade se tornam um bom café com um bolo quentinho dentro de casa.

Também é nessa época que descobrimos que nada combina melhor com um dia chuvoso e frio do que ler um bom livro! E com tantas opções nas estantes e livrarias, fica até difícil escolher qual será nosso companheiro nesses dias que tudo o que queremos é ficar debaixo do cobertor, tomando algo quente e ter a companhia de personagens literários.

Veja agora cinco livros perfeitos para se ler em dias chuvosos.

Crepúsculo, de Stephenie Meyer

A ambientação desse livro é perfeita para dias chuvosos: Crepúsculo se passa em Forks, a cidade mais fria e chuvosa dos Estados Unidos, local também para onde a protagonista Bella Swan se muda. Morando com o pai em Forks, ela conhece o misterioso Edward Cullen que some nos raros dias ensolarados da cidade, e acaba se apaixonando e se envolvendo com o jovem — que Bella descobre mais tarde ser um vampiro.

Crepúsculo é o primeiro livro da Saga Crepúsculo, que conta ainda com mais três livros e uma adaptação cinematográfica estrelada por Kristen Stewart e Robert Pattinson.

A História Secreta, de Donna Tartt

Quando Richard Papen, um jovem californiano, se muda para a fria Vermont a fim de estudar na seleta Universidade de Hampden, ele acaba se envolvendo com um exclusivo grupo de estudantes que, encorajados por seu professor, praticam rituais para os deuses gregos. Em meio a um desses rituais, uma morte acontece, trazendo paranoia para o grupo e expondo seus maiores segredos.

A História Secreta é um dos principais livros do gênero Dark Academia, que se tornou uma subcultura e referência estética entre os jovens nos últimos anos.

Senciente Nível 5, de Carol Chiovatto

Nessa ficção científica escrita pela brasileira Carol Chiovatto, a Capitã Lin de Bílgia precisa salvar o Emissário Teo, irmão gêmeo da rainha do território inimigo, para evitar uma guerra, com a ajuda de Nyx, uma inteligência artificial que obedece a todos os comandos de Lin.

Curto e com uma ambientação bem feita, que faz com que você se sinta próximo dos personagens, o livro é perfeito para ser lido em uma tarde chuvosa. 

Ricardo e Vânia, do Chico Felitti

Ricardo e Vânia é uma versão estendida de uma das reportagens mais famosas do Brasil nos últimos anos: a matéria sobre Ricardo Correa da Silva, conhecido popularmente como Fofão da Augusta, publicada por Chico Felitti no BuzzFeed Brasil. 

No livro, Chico vai além da história de Ricardo para contar também a de sua ex-namorada, Vânia, montando um retrato delicado e cru de como foi ser parte da comunidade LGBTQ+ no Brasil dos anos 70.

O Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wilde

Na Londres vitoriana, o belo Dorian Gray não quer envelhecer. Enquanto seu companheiro Basil Hallward pinta seu retrato, confiando que sua beleza se tornará uma nova modalidade artística, Dorian procura maneiras de vender sua alma para o Diabo com o intuito de ficar belo e jovem para sempre. Quando ele consegue fazer isso, o retrato feito por Basil começa a envelhecer em seu lugar.

Único romance publicado por Oscar Wilde, O Retrato de Dorian Gray, apesar de ter sido criticado e até mesmo censurado na época de seu lançamento, é considerado um clássico da literatura e um exemplo da literatura gótica do fim do século XIX. 

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade